Ser saudável está na moda

É verdade…E parece que veio para ficar. De lado ficam as comidas pesadas, as carnes vermelhas, os produtos sem glúten e um estilo de vida onde as palavras <não saúdavel> ficam no passado.

Todos nos questionamos: “Mas porquê que só agora se lembraram de obter este estilo de vida? Será que a healthy food veio para ficar? Ou é mais uma moda temporária?”

Nos últimos anos, assistimos a um crescimento significativo das redes sociais, da importância que têm e da dependência que criam. Assim, as bloggers começam a ganhar, cada vez mais, vida! Os seguidores e admiradores aumentam. A responsabilidade cresce e as publicações rotineiras são indispensáveis.

Um exemplo disso é a <missFIT>, como é conhecida pelos seus 64.9 mil seguidores. Não quer ser conhecida por isso, não quer que sejam igual a ela, mas pretende passar uma imagem positiva daquilo que nos faz bem, ao corpo e à mente.

À conversa com Mariana:

Como surgiu a página do instagram <missFIT>? Foi daí que surgiu a moda da vida saudável?

R: O perfil do instagram tem quase 2 anos. Coincidiu com a altura em que fiz 30 anos e me sentia melhor do que com 20! Várias amigas me perguntavam qual era o meu “segredo” e eu resolvi partilhar um bocadinho da minha vida saudável, com o exemplo de refeições e alguns treinos. Já tentava seguir uma vida saudável antes de criar o perfil. Mas com o instagram sinto que também aprendi e melhorei muitas coisas.

É fácil conciliar o mundo do trabalho com este outro lado que existe tanta dedicação e disciplina?

Nem sempre é fácil, mas quando se gosta muito de uma coisa, conseguimos gerir bem esta situação. É preciso muita organização e algum foco. Costumo marcar os meus treinos como se fossem reuniões ou outros compromissos a que não posso faltar, para evitar que apareça algo que me impesa de ir. Preparo sempre as minhas refeições e snacks, e tento encher o frigorífico e a dispensa de coisas saudáveis para evitar tentações. Para facilitar tenho alguns truques: se ao jantar fizermos comida a mais, já tenho almoço assegurado para o dia seguinte. Tenho sempre na gaveta do escritório alguma fruta e cereais para alguma emergência… Não dá assim tanto trabalho ter estes cuidados e fazem toda a diferença no dia a dia.

Exemplo de alguma das refeições publicadas na página de instagram.

Afinal o que é ser saudável?

Ser saudável, para mim, é sobretudo ter saúde e sentir-me bem comigo mesma. Acordar com energia e vontade de fazer coisas, ter boa disposição para alegrar o dia e força para dar a volta às situações menos boas que todos temos. Não há uma forma física “tipo” saudável e muito menos um peso! Existem pessoas saudáveis com os diversos tipos de corpos e estruturas. Ser saudável transparece para o exterior, mas depende muito do que vai na nossa cabeça! Por isso, não devemos tantar “imitar” ou tentar ser igual a ninguém, mas sim aprendermos a gostar de nós próprios e tentarmos ser melhores, todos os dias.

-Sente-se como uma inspiração? Uma motivação para todos aqueles que pretendem ser melhores, dia após dia?

Só tenho noção do impacto da “missFit” quando recebo mensagens ou e-mails de alguém a dizer que a ajudei a mudar e a fazer alterações na sua rotina. Fico muito feliz quando isso acontece, mas também sinto uma grande responsabilidade. Se há pessoas que me acompanham, tenho de ter cuidado de passar um bom exemplo para não as desiludir.

A Healthy Food está na moda?

Mais do que healthy food, eu acho que o que está na moda é o Healthy Lifestyle! Porque, apesar da alimentação ser muito importante, o desporto e o exercício físico são, também, fundamentais… Faz bem ao corpo e à mente, pois ajuda-nos a relaxar e a “desligar a cabeça” das coisas menos boas. Espero que esta seja uma moda que dure muito tempo e acredito que é isso que vai acontecer. Porque quem começa a seguir um estilo de vida mais saudável começa a sentir-se tão bem, que nunca mais vai querer parar. Comer bem deixa de ser “dieta”, e fazer exercício deixa de ser “tortura” para ser “terapia“.

Blog MissFITTem.

Associada à blogger estão marcas que ganham cada vez mais vida. A “Aruak” é exemplo disso. Uma marca em crescimento que decide apostar no online e nas redes sociais. A junção entre as suas roupas fitness a personalidades virtuais é um misto de sucesso. É caso para dizer, por uma peça de roupa, um comentário e uma fotografia na rede social.

Em conversa com a responsável pela marca aruak, Giselle Limirio, fomos descobrir o segredo do sucesso.

Página social da marca Aruak.

A marca Aruak tem vindo a destinguir-se de dia para dia. A linha fitness tem tido bastante adesão. Como o justifica?

– Acho que o fitness é um mercado crescente e várias marcas estão a apostar nessa vertente, o que nos diferência é a relação qualidade preço. A grande preocupação na linha Aruak fitness é com o conforto, não queremos apenas peças <bonitas>, mas que sejam funcionais.

Que influência é que as bloggers tem tido para o aumento da propaganda da marca?

– Hoje em dia as pessoas estão cada vez mais à procura de informação e principalmente de opiniões reais. Essa indicação de uma “amiga” que já usou e testou. Acaba por ser uma relação de proximidade.

As bloggers tiverem influência no aumento do consumo por parte do público?

– As redes sociais são, atualmente, uma grande montra para o consumo, as bloggers ajudam principalmente em dar a conhecer a um maior número de pessoas, a marca Aruak.

Deixa um comentário