Jovens com excesso de peso

A obesidade é um dos problemas que mais tem aumentado nos jovens portugueses e do meu ponto de vista 70% é da culpa dos pais que desde pequenos incutem maus hábitos alimentares.

Quando és bebe e estás a chorar como se fosse o fim do mundo os pais têm tendência a afogar-te em Aero-Om; passas a criança e se estiveres a fazer birras recebes aquela goma ou aquele chocolate só para te calar um pouco as goelas, entretanto estás já numa idade suficientemente boa para pensar por ti, no entanto estás desanimando com aquela rapariga mais elegante que te deu tampa no intervalo e vais-te afogar em Mc Donalds.

Comida não virou solução para nenhum problema, comida serve apenas para alimentar o teu organismo e te dar aquela força que precisas.

Aceito que há quem tenha distúrbios alimentares, ou então quem tenha aquela genética manhosa que só permite engordar. 

Falando de dados mais sérios e preocupantes, a obesidade afecta mais de 1 milhão de jovens em Portugal.

Ser saudável não é sinónimo de ser grilo e só comer alface.

Infelizmente isto começa desde os mais pequenos.

“OMS avisa que Portugal é dos países europeus com mais excesso de peso infantil.”

De acordo com dados revelados pelo Público, na Europa, mais de 27% das crianças com 13 anos e 33% com 11 têm excesso de peso. Portugal está entre os países com piores indicadores: aos 11 anos, 32% das crianças têm peso a mais. Em Portugal, 31% dos rapazes e 18% das raparigas têm excesso de peso. Aos 15 anos a obesidade atinge os 24% e os 17%, para cada sexo. 

Deixa um comentário