Senhor de Matosinhos começou… molhado

Uma das maiores romarias do País, o Senhor de Matosinhos, já começou e promete durante três semanas animar a cidade. Mesmo com o mau tempo que se fez sentir no arranque da festa, visitantes não faltavam.


O Senhor de Matosinhos começou no passado fim de semana (6 de maio) e decorre até o dia 29 de maio. Durante três semanas, Matosinhos conta com festividades religiosas e atividades lúdicas e culturais. A chuva também esteve presente no início daquela que é considerada a maior romaria do norte do país.

Festa do Senhor de Matosinhos.

Esta festa é aguardada com ansiedade todos os anos não só pela população de Matosinhos, mas também pelos habitantes dos concelhos próximos. Nesta altura, a cidade recebe muitas pessoas que visitam a cidade pela primeira vez e que vêm de propósito para conhecer a romaria do Senhor de Matosinhos.

Este ano, a autarquia prevê cerca de um milhão de visitantes. Uma boa notícia para quem vê esta festa como uma forma de negócio. Pois, para os comerciantes, o início do Senhor de Matosinhos não foi o melhor, comparado com os anos anteriores, devido ao mau tempo que se fez sentir.

Por esta altura, Matosinhos é festa. Com um orçamento de 300 mil euros, a programação da festa do Senhor de Matosinhos é diversificada. Há espetáculos de música, teatro e dança, exposições, feiras de artesanato e da louça, uma feira do livro e o festival da literatura – LeV (Literatura em Viagem). As entradas são livres em qualquer uma destas atividades.

Os carrosséis não podiam faltar na festa do Senhor de Matosinhos.

Para além da animação de rua, há também os concertos de Camané e Cuca Roseta (no dia 20), do Mundo Secreto (no dia 21) e da Orquestra de Jazz de Matosinhos (no dia 27).

No sábado, dia 14 de maio, há o tradicional fogo-de-artifício que atrai centenas de pessoas todos os anos. No dia 17 de maio é feriado municipal e o dia da Eucaristia Solene da Festa do Bom Jesus de Matosinhos, celebrada pelo bispo do Porto.

As bancas de gastronomia também estão presentes nesta festa.

Para quem visita esta romaria, é local de paragem obrigatória a Igreja do Bom Jesus de Matosinhos, que tem os seus altares decorados com flores e o seu recinto iluminado com dezenas de lâmpadas.

O Senhor de Matosinhos ao longo dos anos tem vindo a ganhar um estatuto de romaria popular, mas não se tem esquecido a parte religiosa, que conta com comemorações com mais de 600 anos de história.

Deixa um comentário