#5 respostas…num só Ensaio

“É muito difícil expressar o que sinto quando olho para a camisola do Sport Lisboa e Benfica antes de a vestir. É o clube do meu coração.”

 

Tiago Sá, atleta do Sport Lisboa e Benfica. Fotografia: Filipe Monte.

Natural da Costa da Caparica e Benfiquista “desde que se lembra”, Tiago Sá acaba de conquistar o primeiro título de Campeão Nacional ao serviço do clube de sempre. Aos 25 anos de idade, Tiago leva já nove épocas de águia ao peito. O defesa e médio de abertura português não tem dúvidas em afirmar que “Daniel Carter, neo-zelândes” é o ídolo e exemplo a seguir.

Começou a jogar com apenas cinco anos de idade, na equipa da terra. O

Tiago Sá a realizar uma “Placagem”. Fotografia: Filipe Monte.

Grupo Desportivo Pescadores Costa Caparica foi o clube que representou até às 12 primaveras. Seguiram-se quatros anos de pausa na modalidade, mas a paixão pelo râguebi acabou por levar a melhor e o Benfica foi o destino. Perto de completar 26 anos, “representar a seleção é o objetivo que se segue”.

 

Infomedia – O que te levou a escolher o Râguebi?

Tiago Sá – Comecei aos cinco anos. O meu grupo de amigos já jogava, pedi aos meus pais para experimentar e decidiram levar-me, também pela fama do espírito do râguebi.

Info – Quais os objetivos para o futuro da tua carreira?

T.S. – Ser Campeão Nacional pelo Benfica na primeira divisão e colocar o clube no lugar que lhe pertence.

Info – Como jogador, há alguma equipa que tenhas o sonho de representar?

T.S. – A Seleção Nacional. É um sonho para qualquer jogador.

Info – Qual a sensação de ser campeão nacional?

T.S. – O mais sinceramente possível: foi um “sonho de criança”, é inexplicável. Desde que me lembro que sonhava em levantar uma Taça de Campeão Nacional pelo Benfica!

Info – E após o Râguebi?

T.S. – Já dou treinos aos escalões de formação e penso que é uma excelente maneira de nos mantermos ligados à modalidade.

Deixa um comentário