Inteligência Artificial é a nova pivot da televisão chinesa

Um robot dotado de inteligência artificial foi contratado para apresentar um noticiário da televisão da China, a informação foi confirmada pela Nanning TV, uma emissora privada chinesa esta quinta-feira.

A utilização da inteteligência artificial não começa agora. De facto, o fenómeno e a inovação têm sido utilizados em inúmeras vertentes, desde a saúde até à partilha de informação.

Produtos como computadores e smartphones, mas também óculos e até máquinas de lavar vão ficar mais inteligentes. Com isto, assistentes pessoais digitais — como a Alexa, da Amazon – vão-se tornar cada vez mais comuns.A internacional Google também tem investido na área, tendo lançado recentemente o Google Home Mini que coordenada de forma integrada a todos os serviços da empresa. Antes de sair sairmos de casa, pode-se perguntar ao assistente inúmeras coisas, nomeadamente o estado do tempo e trânsito. Softwares para carros autónomos e aplicações de otimização de processos nas empresas, são também aspetos que serão desenvolvidos em 2018. Em breve, as máquinas serão  capazes de tomar decisões de negócios através de bases de dados. Mas agora, a inteligência artificial consegue alcançar uma nova conquista.

Chao Neng Xiao Bai, o novo pivot da televisão, recorre à inteligência artificial para processar informação e comunicar, vai interagir com apresentadores humanos e analisar dados durante a emissão do jornal, que será exibido no “Nanning TV”, um canal de Guangxi. De acordo com os desenvolvedores, o robot tem uma autonomia de 12 horas e precisa de quatro para carregar. A estreia do novo pivot de informação da televisão chinesa tem data marcada para o próximo dia 6. A emissão será transmitida através da televisão e do aplicativo móvel.

Vale a pena realçar que a China é um dos países líderes no desenvolvimento da inteligência artificial e robótica. Até agora, os robots criados pela tecnologia do país já foram empregados em diversas áreas da sociedade como a redação de notícias, composição de poemas e cuidado de pessoas.

Fonte: Globo

Deixa um comentário