Dia Mundial do Ambiente: #AcabeComAPoluiçãoPlástica

Celebra-se hoje o Dia Mundial do Ambiente. Este ano as celebrações irão decorrer na Índia, país escolhido pela Organização das Nações Unidas (ONU), sob o tema #AcabeComAPoluiçãoPlástica.

A produção de plástico foi maior na última década do que em todo o século passado, representando 10 % de todos os resíduos gerados pelo Homem. A produção e consumo excessivo de produtos de plástico descartáveis têm tido consequências extremas na vida marinha e saúde humana.

Segundo o ministro do Ambiente indiano – Harsh Vardhan – ”A filosofia e o estilo de vida da Índia estão há muito tempo fundamentados no conceito de coexistência com a natureza.” Os indianos estão ”comprometidos em fazer do planeta Terra um lugar mais limpo e mais verde”. Este empenho e compromisso têm dado frutos já que a Índia tem, atualmente, uma das mais altas taxas de reciclagem do mundo. Para o diretor-executivo da ONU Ambiente – Erik Solheim – o país ”demostrou uma tremenda liderança global no que diz respeito às mudanças do clima e à necessidade de migrar para uma economia de baixo carbono”, pelo que é agora o país indicado para ajudar ”a estimular ações maiores contra a poluição plástica”. Atividades de limpeza em áreas públicas, florestas e praias foram preparadas nesse sentido.

Apesar de a Índia ser o país no qual este ano estão sediadas as celebrações, a consciencialização pública pretende ser mundial. Cabe a cada país agir para a mobilização da população no sentido de acabar com a poluição plástica. Ainda assim, numa altura em que nos é dada a notícia da morte de uma baleia, perto da fronteira da Tailândia com a Malásia, após ter engolido 80 sacos de plástico, este tema parece mais urgente do que nunca.

Na Europa começam a ser propostas medidas para abolir a venda de alguns dos produtos de plástico de uso único, como cotonetes, palhinhas, balões e garrafas de plástico. Anualmente, pelo menos, 8 milhões de toneladas destes plásticos vão parar aos oceanos, e a Comissão Europeia pretende pôr termo a isto. Pretende-se que todos estes objetos sejam substituídos pelos equivalentes amigos do ambiente, sempre que possível.

Quanto às empresas fabricantes destes plásticos, as mesmas devem procurar promover a reciclagem dos resíduos em que seja possível e participar ativamente em campanhas de consciencialização junto da população, sob pena de responsabilização e penalizações.

A proposta precisa ainda da aprovação do Parlamento Europeu e do Conselho Europeu para avançar, mas a Comissão pretende que a medida vá avante ainda antes das eleições europeias de maio de 2019.

O Dia Mundial do Ambiente celebra-se desde 1972, aquando da 1ª Conferência da ONU sobre o Ambiente, que decorreu em Estocolomo (Suécia). Desde então esta comemoração pretende incentivar a consciência mundial e ação para o meio ambiente.

 

Deixa um comentário